Veja como os cristais podem ajudar na sua saúde mental.

Há momentos em que achamos ter perdido o sentido da vida, a nossa visão periférica pro lado bom do mundo se fecha, seja por alguma perda próxima ou por um acontecimento incomum, como a dificuldade de conseguir um emprego, ou questões financeiras, romances inacabados e reconciliações não feitas.

E como os afazeres não podem ser pausados para que a dor seja vivida, e se cure conforme lhe convém, acabamos banalizando esses acontecimentos não recorrentes e seguimos em frente com aquela tristeza, podendo até mesmo gerar outras complicações mais perigosas como alguns transtornos, seja depressão, ansiedade ou estresse.

Mas falar sobre o assunto é algo complicado, não conseguimos nos abrir sem realmente aceitar que isto está acontecendo conosco, é algo inevitável, sempre pensamos que a nossa dor é profunda demais para ser compartilhada com alguém, que até então não vai entender. Mas há a cura interior, ela nos ajuda a solucionar esses problemas e trazer novamente o brilho no olhar perante a vida.

Geralmente a cura interior é direcionada por um especialista, podendo ser até mesmo espiritual, concomitantemente com as religiões ou ritos religiosos, independentemente de como queira chamar, e também podem ser levados a um psicólogo ou psiquiatra. Fazer análises sobre você e como anda a sua vida pode ser um caminho e tanto para encontrar uma melhor saída para sua situação difícil.

Conversar com alguém sobre isso, não te torna mais fraco, e lânguido, precisa nesse momento olhar para você e para sua análise, pondo em pauta a sua saúde mental, fisiológica e física. De que vale o orgulho se não pode usufruir saudavelmente dele?

Aproveitando o gancho sobre orgulho, busque os seus defeitos e pensem se eles não estão atrapalhando na sua cura interior, a busca por um profissional nesse momento pode ser crucial, pois, muitas vezes os defeitos não se revelam conscientemente.

Os erros que você cometeu, podem estar ligados diretamente com a sua enfermidade interior, por isso é importante que você busque equipará-los sempre que possível. E sempre aja em conjunto com os outros que estão a sua volta, para receber feedbacks e elogios.

Há outros métodos utilizados para a cura interior, como a cristolaterapia, que consiste em pedras curativas que são compostas com substâncias inorgânicas ou fósseis, na maioria das vezes minerais, que apresentam curas no tratamento de doenças ou no bem-estar.

É mais comum na cultura ocidental, e ainda que passem despercebidos possuem um significado fantástico, que é vinculado a cura interior.

Cada cristal tem sua função, e para escolher um para o processo introdutório o ideal é pesquisar sobre todos eles, e levando em conta as recomendações de quem já faz uso.

Como exemplo temos a Ágata, que é um cristal comum, em adornos, esta é uma variedade de quartzo microcristalino, e formada nas cavidades das rochas ígneas. Ágata é uma pedra da comunicação, capaz de ajudar seu usuário a se conectar com as forças da natureza e nutrir suas energias.

O quartzo rosa, além de lindo está na preferência da maioria das pessoas, por estar alinhado com as energias do amor, usar ele traz energias poderosas para o usuário atingir paz interior.

Com uma infinidade de cristais de cura, realmente é difícil identificar quais são os cristais de cura eficazes para cada situação. Os cristais de cura parecem uma boa ideia, certo?

 

Deixe uma resposta